Translate

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Sobre mim



Estrelas caem ou é a chuva?
Na abóbada escurecida  gotejando
Luzes ou lágrimas divinas
Os anjos acima sussurram
Mas meus demônios aqui vociferam
Os amores sempre morrem
No final das estações
Como morreram os sonhos
Fragilizados pelo chão
Um beijo vermelho na testa
De cada um que deixei fenecer
Eu irei deixá-lo antes de te ferir
Meu coração é da noite
Como flor noturna orvalhada
Abre-se nas sombras e recusa a luz
Ou a luz recusa-me incessante?
Morrerei  aqui com meus medos
Vagando na escuridão de pesadelos
Uma hipnoze de terror
Que nunca me libertei
A morte quebrando a maldição
De um anjo de asas falhas
Mentiras e lágrimas, decepções
Como fundo de um quadro tristonho
Um sorriso cheio de tristeza
Um Adeus com cheiro de tragédia. 

By: Katrina de Salem

Nenhum comentário:

Postar um comentário